Tecnologias Sociais

A partir da parceria com o ChildFund Brasil, os colaboradores participam das capacitações nas metodologias para desenvolver o intelecto, assegurar a saúde e segurança das crianças, adolescentes, jovens e famílias.
Aflatoun e Aflateen: Educação Social Financeira:
Ajuda-os a pensar de forma crítica sobre direitos e deveres, bem como a obter conhecimentos financeiros e capacidades que lhes permitam fazer melhor uso dos recursos. A educação social lhes ensina cidadania responsável – os fazendo sentir a necessidade de conhecer e de se envolverem nas questões sociais que os afetam. A educação financeira lhes fornece instrumentos de poupança, orçamentos e participação em empreendimentos. O Aflatoun para crianças dos 6 aos 14 anos e Aflateen para jovens de 15 a 18 anos. Nesta tecnologia tivemos a oportunidade de atender entre crianças e adolescentes 101 participantes.

MJPOP – Monitoramento Jovem de Políticas Públicas: Participação Cidadã

Empoderamento de adolescentes e jovens e o desenvolvimento do protagonismo juvenil. Fundamentada em 5 elementos principais: voz, informação, diálogo, ação e prestação de contas. Engaja os participantes no monitoramento de políticas e serviços públicos. No ano de 2017 atendemos 523 adolescentes e jovens por meio de encontros, oficinas, reuniões, palestras e formações.

Rejudes: Rede de Juventude em Defesa de seus Direitos Sociais

A Rede de Juventude em Defesa de seus Direitos Sociais (REJUDES) é um coletivo juvenil com fim de formar jovens mobilizadores e atuantes na sociedade. Além da promoção de cultura e lazer, a rede promove o empoderamento político e social da juventude.

Terapia Comunitária: Saúde – Intervenção Psicossocial

É um instrumento de construção de redes solidárias, fundamentando em cinco eixos: pensamento sistêmico, teoria da comunicação, antropologia cultural, pedagogia de Paulo Freire e a resiliência. A metodologia apresenta uma proposta de intervenção psicossocial que tem como objetivos primordiais mobilizar os recursos pessoais e culturais, estabelecer e fortalecer vínculos entre as pessoas. Na terapia comunitária integrativa foram atendidas 418 pessoas entre crianças, adolescentes, jovens e famílias por meio de rodas de conversas.

Animador Comunitário

A tecnologia é realizada por um grupo de voluntários e são um elo entre a organização e a comunidade ou bairro na qual está inserida, no ano de 2017 tínhamos 30 voluntários, os mesmos puderam contribuir com a melhoria de vida de pelo menos 320 famílias.

1 comentário em “Tecnologias Sociais”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *